Mário Barreiros – Quarteto Pacífico
 
Músicos:
Ricardo Toscano, saxofone alto;
Abe Rábade, piano;
Carlos Barretto, contrabaixo;
Mário Barreiros, bateria
 
Preço:
10 € - Normal 8 € - Estudante, Sénior e Sócio da BIR ou do CRBV
 
Sobre este projeto:
Baterista histórico do jazz português, Mário Barreiros, para além de estar na fundação de um alicerce tão importante no jazz da cidade e do país como a Escola de Jazz do Porto, é também baterista, guitarrista e produtor de várias mãos cheias. Desde os anos 70/80 no ativo é membro fundador da banda Jafumega, tocou bateria com António Pinho Vargas em discos históricos como “Cores” ou Carlos Barretto em “Impressões”. Como guitarrista gravou com Rui Veloso no álbum “Mingus & os Samurais” ou Pedro Abrunhosa em “Tempo”. Como produtor foi responsável, entre outros, por discos como “Viagens” de Pedro Abrunhosa, “Cão!” e “O Monstro Precisa de Amigos” dos Ornatos Violeta. Esta lista seria interminável, pois houve poucos trabalhos de referência no jazz e no Pop-Rock que não tivessem passado pelas mãos do Mário Barreiros até aos dias de hoje.

Em janeiro de 2022, Mário Barreiros lançou o trabalho discográfico ‘Dois Quartetos Sobre o Mar' gravado entre julho e agosto de 2021. A bateria de Mário Barreiros é o denominador comum destes dois quartetos onde alinham Ricardo Toscano no sax alto, Abe Rábade no piano e Carlos Barretto no contrabaixo, formando o quarteto Pacífico, assim como, José Pedro Coelho no sax tenor, Miguel Meirinhos no piano e Demian Cabaud no contrabaixo formando o quarteto Abissal.
O repertório do Mário Barreiros Quarteto consiste de originais dos seus elementos, prometendo protagonizar nos seus concertos noites de devoção à paixão de uma vida: o jazz.